Estimadas e estimados colegas,

Como muitos de vocês têm sentido, houve um aumento grande de ocorrências criminais no nosso campus e principalmente no nosso centro. Sabendo o quanto isso afeta a vida e o bem-estar dos estudantes, o CAEng está buscando maneiras de lidar com esse problema, junto ás instâncias responsáveis, como a Decania do CT, a reitoria, a prefeitura universitária e a DISEG (divisão de segurança).

Read more...

Alguns alunos já estão recebendo e-mail do SIGA avisando do lançamento de notas e os alunos grevistas estão recebendo e-mail dizendo que foram reprovados (por falta ou por nota). Alguns também notaram que o período para inscrição de disciplinas não abriu.

Read more...

Nós, estudantes da Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a mais antiga e tradicional Escola de Engenharias das Américas, somos engrenagens fundamentais na construção de uma universidade crítica,democrática, pública, gratuita, de excelentíssima qualidade, que produza inovações tecnológicas que solucionem os problemas e contradições da sociedade brasileira. 

Read more...

Já é ano de eleição de novo, mal acabaram as polêmicas das eleições presidenciais e outra eleição, quase tão importante quanto, bate em nossa porta. Nos dias 14, 15, 16 de Abril ocorrerá, em toda UFRJ, o primeiro turno da eleição para a Reitoria. Esta eleição decidirá não só quem irá gerir nossa universidade pelos próximos 4 anos, mas também qual projeto de universidade queremos, por isso é muito importante a participação de todas e todos neste processo. Assista aos debates, leia o programa das chapas e ajude a decidir os rumos de nossa Universidade.

 

Read more...

O projeto

O “Sejamos Esperança“ é um projeto de filantropia que se diferencia por ser pensado de forma sustentável. Ou seja, antes de tudo é um projeto que pretende levar às comunidades não apenas ajudas sazonais na forma de doações, mas principalmente, meios através dos quais essas comunidades possam sustentar-se independentemente de qualquer tipo de caridade. A ideia é produzir oficinas de cidadania, técnicas de enfermagem, acompanhamento psicológico e produções culturais, tudo que eleve o ser humano a um âmbito transcendental de bem-estar, não somente no ponto de vista material, porém um bem-estar de estado das coisas. Em outras palavras, explorar a dignidade humana ao redor de suas múltiplas facetas, como é inclusive defendido constitucionalmente no âmbito jurídico de nosso país.

Read more...